V BTT Terras de Cabral - Belmonte

Um maravilhoso passeio de boa camaradagem.
Cada vez mais fã dos passeios guiados, acho que esta é a opção certa para uma bela manhã de diversão. Não querendo dizer com isto que as maratonas cronometradas devam desaparecer, muito pelo contrário, mas não devem ser a única opção para os BTTistas.

A Casa do Benfica de Belmonte está de parabéns pelo percurso e pelo convívio proporcionado com 2 abastecimentos e uma chegada em grande ao Castelo de Belmonte...











Passeio Sexta feira Santa

Um passeio em bicicleta de estrada também é uma bela forma de passar uma manhã. Desta vez foi ir virar à Meimoa numa manhã com muito calor (30C) de primavera.

Para quem normalmente pratica BTT, a bicicleta de estrada permite fazer muitos mais kms em menos tempo, mas com necessidade de maior resistência. As modalidades, em termos físicos, são um pouco diferentes no que respeita ao desgaste de calorias. Os esforços em BTT são muito maiores mas mais pontuais, enquanto em bicicleta de estrada o esforço é mais contínuo embora em menor intensidade.

Para amadores, uma volta de estrada a rondar os 80km é um bom treino de resistência que feito na região da Serra da Estrela (onde as altitudes são sempre mais elevadas) traz sempre maiores dificuldades. Há que saber muito bem controlar muito bem o esforço inicial assim como a respiração durante todo o percurso, pois a atmosfera com ar rarefeito necessita de uma maior coordenação para captar o oxigénio necessário.














II Passeio BTT Unidos por uma causa CHCB

Mais um excelente passeio proporcionado pelo CHCB na Covilhã.

Um passeio muito descontraído com excelentes paisagens, que todos já vamos conhecendo mas que sabe sempre bem desfrutar nos primeiros dias de primavera (sem chuvas).

Com a Serra da Estrela nevada no seu topo sempre como pano de fundo, lá se fizeram os 40 km da meia-maratona, finalizada com um belo almoço.








Acima do Alto de S. Gião

Hoje o passeio tinha que ser BTT, pois com o fim do período de chuvas (esperamos) o tempo estava ideal para pedalar por meio de lama e mato! ;)
Uma subida ao monte acima do Alto de S. Gião com direito a uma vista fantástica sobre a Covilhã/Fundão e Verdelhos/Vale da Amoreira (uma para cada lado) é um espetáculo difícil de descrever.